Pauta Baiana
A Notícia com tempero que só tem na Bahia!

PROTEÍNA DO CORONAVÍRUS MODIFICA CÉLULAS DOS VASOS SANGUÍNEOS, DIZ ESTUDO

A chamada proteína spike, que leva o novo coronavírus Sars-CoV-2 a penetrar nas células humanas, provoca alterações nos vasos sanguíneos do coração, revela uma nova pesquisa apresentada no Congresso da Sociedade Europeia de Cardiologia, conforme explica um artigo publicado na revista Galileu. 

No estudo, os investigadores da Universidade de Bristol, no Reino Unido, expuseram células dos vasos cardíacos à proteína isolada do coronavírus e constataram que a molécula suspendeu a função das células cardíacas, levando por sua vez à libertação de componentes inflamatórios.

A proteína spike, destaca a Galileu, associou-se às células denominadas de pericitos, que cobrem os vasos localizados no músculo cardíaco. Associação essa que provocou alterações que consequentemente originaram o processo inflamatório. Inclusive, esse processo decorreu quando a spike não estava associada ao SARS-CoV-2. 

O efeito do coronavírus ocorreu mesmo em órgãos fora das regiões onde infecta o corpo humano, como por exemplo no cérebro e no sistema nervoso central. 

De acordo com a revista Galileu, os cientistas procuraram bloquear o receptor viral CD147 e detectou que tal impossibilitava que a proteína spike provocasse determinadas modificações nas células cardíacas. Todavia, e ainda assim, a inflamação persistiu. 

Deixe uma resposta

Seu endereço de email não será publicado.